PORTFÓLIO
Plano de Acção para a Energia Sustentável da Cidade do Porto
Março 2013

O Plano de Ação para a Energia Sustentável da Cidade do Porto (PAES-P) foi o único português entre os cinco primeiros a ser aprovados pela Comissão Europeia. O PAES-P foi elaborado pela AdEPorto na sequência das responsabilidades assumidas pelo município portuense com a subscrição em Fevereiro de 2009 do Pacto dos Autarcas, tendo sido aprovado por unanimidade em Outubro de 2010, pelo Executivo municipal.

O Pacto dos Autarcas é considerado um dos desafios mais ambiciosos para uma política energética contra o aquecimento global lançado pela Comissão Europeia, que entende que nas cidades se têm de desenvolver particulares esforços em prol da eficiência energética, na medida em que é nos centros urbanos que vive cerca de 70% da população. Aquele compromisso define as metas e os objetivos que as cidades subscritoras devem atingir até 2020, suportadas em planos de ação para a energia sustentável, nomeadamente o aumento em 20% da eficiência energética, a introdução de 20% de energia renovável e a redução das emissões de CO2 em mais de 20%.

O PAES-P define as áreas prioritárias de intervenção e elenca as ações que permitirão reduzir as emissões de CO2 no Porto, estabelecendo a ambiciosa meta de 45%, sendo que cerca de metade deste valor é diretamente imputável às iniciativas locais, sejam da autarquia ou de outros stakeholders na cidade. O restante é expressão do efeito das políticas energéticas nacionais de eletricidade mais verde e da incorporação de biocombustíveis no gasóleo.

Plano de Acção para a Energia Sustentável da Cidade do Porto disponível aqui.

AdEPorto © 2013 Agência de Energia do Porto Produced by 4Best RSS